Avatar de: Júlio Nascimento

Júlio Nascimento





A volta de Leidiane

Júlio Nascimento

A barra é pesada
Amar quem não gosta da gente
Assim fez a Leidiane
Me traiu tão de repente
Eu sofrendo no garimpo
Mandando dinheiro pra ela
E ela transando com outro
Não estava mais a minha espera
Apresar de ter me traido
Eu tenho que lhe agradecer
Se não fosse Leidiane meu Deus
Como era que eu ia sobreviver
Mais eu ainda te peço
Pra você vir me aquecer
Volta pra casa Leidiane
Venha comigo viver
Eu preciso de você
Pra me aquecer com teu calor
Sou o homem que mais te ama meu bem
Preciso de você amor (ai)
Mais só vou te aceitar
Se você me prometer
Que vai namorar só escondida (badida)
Pra mim nunca mais saber
A Leidiane já voltou pra mim
E vai ser o que Deus quiser
A Leidiane vai pro garimpo
Arrumar dinheiro
Pra mim gastar no cabaré
A Leidiane voltou pra mim
E vai ser o que Deus quiser
Eu já fui corno uma vez
De hoje em diante
Topo tudo que vier

  1. Faça seu login e cadastre-se
Aviso legal · Entre em contato - Studio Sol © 2014 Ouvirmusica.com.br
-