Ouvir Música

Meu Lugar

Alpercata de Arrasto

Meu Lugar

Por onde eu andar
A bandeira do nordeste
Meu sertão cabra da peste
No peito vou carregar
Chapéu de couro nos pés alpercata arrasto
Vou quase contando os passos sem pressa para chegar

Nessa minha vida quantas carreiras corridas
Tropeços e despedidas marcaram meu caminhar
Sou dessa gente, da força que fez um povo
De um coração que é de ouro
Esse sim é o meu lugar

Sou desse povo, da força que move a gente
Te digo muito contente
Que lugar melhor não há

Meu sertão das alpercatas, alforje, gibão
Da sombra do juazeiro eu não saio não
Se tocou forró na feira, me toco pra La
Só se ouve o chineleiro e a poeira

Meu sertão Luis Gonzaga o rei do baião
Sanfona, zabumba e triângulo,traz o matulão
Joga água no terreiro que eu quero dançar
Se a sala não tem reboco, vamos rebocar

Por onde eu andar
A bandeira do nordeste
Meu sertão cabra da peste
No peito vou carregar
Chapéu de couro nos pés alpercata arrasto
Vou quase contando os passos sem pressa para chegar

Nessa minha vida quantas carreiras corridas
Tropeços e despedidas marcaram meu caminhar
Sou dessa gente, da força que fez um povo
De um coração que é de ouro
Esse sim é o meu lugar

Sou desse povo, da força que move a gente
Te digo muito contente
Que lugar melhor não há

Meu sertão das alpercatas, alforje, gibão
Da sombra do juazeiro eu não saio não
Se tocou forró na feira, me toco pra La
Só se ouve o chineleiro e a poeira

Meu sertão Luis Gonzaga o rei do baião
Sanfona, zabumba e triângulo traz o matulão
Joga água no terreiro que eu quero dançar
Se a sala não tem reboco, vamos rebocar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados