Cabine Leito

Cezar e Paulinho

Tô na estrada viajando novamente
Tô com Deus, eu tô contente
Mas te lembro a todo instante
Tudo, tudo, meu amor que vou fazer
Parece tocar você quando toco no volante
Quando embaça ligo o desembaçador
Parece enxugar o suor
Dos nossos corpos a brotar
Na cabine leito do meu caminhão
Vejo nós dois no colchão
Quase morrendo de amar
Quero parar, parar sim
Parar pra te amar, dona de mim
Feito a lua, vem brilhar
Amor, vem iluminar a minha vida
Grito teu nome, amor
E aperto a buzina, você me fascina
Eu não posso te perder
Não consigo te esquecer, minha menina

Mesmo estando sem você
Quando me deito
Aqui na cabine leito
Por esse estradão sem fim
Tão distante, meu amor, de sua casa
Pensamento cria asas
E vai te buscar pra mim
Até mesmo dirigindo bem atento
Seu perfume vem no vento
E no espelho sua imagem
Esse seu rostinho lindo de menina
Seu olhar que ilumina
Meu caminho na viagem
Quero parar, parar sim
Parar pra te amar, dona de mim
Feito a lua, vem brilhar
Amor, vem iluminar a minha vida
Grito teu nome, amor
E aperto a buzina, você me fascina
Eu não posso te perder
Não consigo te esquecer, minha menina
Quero parar, parar sim
Parar pra te amar, dona de mim
Feito a lua, vem brilhar
Amor, vem iluminar a minha vida
Grito teu nome, amor
E aperto a buzina, você me fascina
Eu não posso te perder
Não consigo te esquecer, minha menina
Quero parar, parar sim
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados