Ouvir Música

Caminha

Djamblê

Caminha, sem saber por onde.
A liberdade que eu procuro, não sabe onde está.
Na vida, indiferença trouxe.
O sentimento, desprezo, eu vou falar.
Agora não se lembra, não, mais o que ele fez.
Ferramenta na mão foi tudo de uma vez.
Não poderia imaginar que quem estava do seu lado era mais um chegado.

Refrão
Chega... de matar como se fosse.
Na vida, a indiferença que lhe trouxe.
Chega, chega, chega de matar como se fosse.
Olhe a sua vida violência que lhe trouxe.
Chega, chega, chega.
Chega, chega, chega de matar como se fosse.
Olhe a sua vida violência que lhe trouxe.
Chega, chega, chega.

Caminha, sem saber por onde.
A liberdade que eu procuro, não sabe onde está.
Na vida, indiferença trouxe.
O sentimento, desprezo, eu vou falar.
Agora não se lembra, não, mais o que ele fez.
Ferramenta na mão foi tudo de uma vez.
Não poderia imaginar que quem estava do seu lado era mais um chegado.

Refrão
Chega... de matar como se fosse.
Na vida, a indiferença que lhe trouxe.
Chega, chega, chega de matar como se fosse.
Olhe a sua vida violência que lhe trouxe.
Chega, chega, chega.
Chega, chega, chega de matar como se fosse.
Olhe a sua vida violência que lhe trouxe.
Chega, chega, chega.

(2x)
Ga, chega, chega, chega .
Ga, chega, chega como se fosse.
Olhe só, a sua vida violência que lhe trouxe.
Ga, chega, chega, chega como se fosse.

Agora não se lembra, não, mais o que ele fez.
Ferramenta na mão foi tudo de uma vez.
Não poderia imaginar que quem estava do seu lado era mais um chegado.

Ga, chega, chega, chega.
Ga, chega, chega como se fosse.
Olhe só, a sua vida violência que lhe trouxe.
Ga, chega, chega, chega como se fosse.

Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados