Ouvir Música

Cem Anos de Perdão

Exporta Samba

Vejam só, quando vim do meu trabalho
Conferindo o meu salário
Que muito mal dá pra comer

Não sei, se pareço milionário
Ou se tenho a cara de otário
Para dois pilantras virem me render

Um de boné na cabeça,
Todo de preto e um cano na mão
O outro de branco dizia:
"É um assalto, passe essa grana sem vacilação"

Vocês se deram mal
Sou um operário e não estou com nada
Vocês vão levar uma grana suada
Que eu muito custei a ganhar

Esse mês descontaram
INPS e um vale atrasado
Imposto de renda, paguei sindicato
Faltei na segunda, perdi o feriado

Na minha carteira só tem é papel
Veja o meu desespero
Pois só me restam quarenta cruzeiros
Que eu pretendia pra casa levar

E o pilantra chorou
De tanta tristeza na minha cachola
Guardou o revólver, abriu a sacola
Me deu duas pernas, me mandou embora
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados