Adrenalina

Geraldo Terra Nova

Andando nas ruas, te vejo nua
A lua de amor louca pra amar
Cantando sem rima, na esquina do mundo
Escapo do laço cadaço sem nó

No canto do manto, a faca cortando
A lamina cega persegue o mal
No tal absurdo do surdo do bar
No lar de cabana da cana cachaça
Fumaça que passa de um para um

Entorta o torto cabresto pirado
Calado cantando eu sigo o sinal
Caminhos profundos e olhos mortil
No liu do compasso o passo que vai

De bêbado mudo cambala na sala
Suja o pano refém do motim
Que sim e que não na mão do bandido
Fidido esse mundo imundo e de cão
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados