Rosa Ferrugem

Onagra Claudique

Espero que aceito o espresso fresco
Corante que entorna escuro
Passado com esmero
Amaro

Só pra manter esse teor
De um paladar que destoa

Como me tortura má
Essa ternura
Pá de cal

Um gosto penso
Escoa ao seu lado oposto

O meu desprazer
Tem que equivaler a esse sabor
De doce basta a vida

No decorrer dos meses
Em que passo na espreita
Enquanto você se vai
Eu tento me portar bem
Me conformar

Um tom vermelho aferroado
Tempero sal amargo

Como me tortura má
Essa ternura pá de cal
Que cultivas em torno de si

Um gosto penso
Escoa ao seu lado oposto

Rosa ferrugem
Água de quinino
Temperamentos
Qualquer coisa me arrasta
Às agruras das minhas raízes
Do bíter de angostura
À temperatura
Gim zimbro seco
Amar gor
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados