Ouvir Música

Iracema - A Virgem Dos Lábios de Mel

Pedrinho da Flor

Sou da tribo beija-flor, eu sou, eu sou
Piso forte nesse chão (rá rá)
Trago a flecha do amor
Vou acertar seu coração

Oh! Virgem dos lábios de mel
Vem correr em meus versos
Formosa Iracema
A luz de tupã consagrou e abençoou
A menina morena
Índia tabajara uma deusa
Pureza que encantou Martin
Que se rendeu a esse amor
E o destino quis assim
Apaixonou nossa guerreira
Um romance pra guardar
E emocionar a vida inteira

Vem lá das matas do meu Ceará
A guardiã dos segredos da Jurema
Um lindo encontro do espinho com a flor
Pajé mandou índio cantar esse poema

kiiô kiiô ôôôô Kiiô kiiô ôôôô

Oh! Mãe natureza beleza rara
A testemunha dessa paixão
Tanto conflito, manchando a terra
E o sentimento venceu a razão
O sangue nas veias correu
Herança de um doce prazer
Então o mestiço nasceu
Ouvindo a história chorei
Confesso também me apaixonei
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não