Estrela da Morte

5 Generais

Quando os pecados não fizerem mais sentido
E as águas não matarem mais a sede
Não haverá lugar para se esconder
Nenhuma corrente irá resistir

Não restará tempo para o beijo
E a palavra na garganta ficará
Castelos de vidro irão se desmanchar
Como cartas voando ao vento

Conheceremos a verdade que nunca quisemos saber
Conheceremos o mistério que a vida nos reservou
Conheceremos o gosto amargo da destruição

Vem, vem, venha, estrela da morte, para nos salvar
Vem, vem, venha, estrela da morte, e nos traga paz
Vem, vem, venha, estrela da morte, para nos salvar
Vem, vem, venha, estrela da morte, e nos traga paz

Quando os pecados não fizerem mais sentido
E as águas não matarem mais a sede
Castelos de vidro irão se desmanchar
Como cartas voando ao vento

Não mais nações, nem ambições
Não mais mentiras, nem traições
Sonhos e planos, tudo se perdeu
Na noite eterna ao pó voltarão

Vem, vem, venha, estrela da morte, para nos salvar
Vem, vem, venha, estrela da morte, e nos traga paz
Vem, vem, venha, estrela da morte, para nos salvar
Vem, vem, venha, estrela da morte, e nos traga paz
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados