Ouvir Música

Caiu No Baenão É Comida de Leão

Alberto Malcher

Caiu no baenão, não tem jeito não
Caiu no baenão, não tem jeito não
Caiu no baenão, não tem jeito não
É comida de leão

Cuidado com a fera que tá solta
Sua arena é o baenão
E lá que ele abate as suas presas
A predileta é o papão
Que já fugiu do gramado
Sem nenhuma uma explicação
Com medo de perder
De goleada pro leão

Remo, remo
Aplicou o maior tabu e foi no paysandu
Remo, remo
Manda esse vexame lá pra curuzú

Eu sou azulino, de coração, podes crer
E faço parte, dessa grande nação
No baenão no mangueirão tô com você
E o meu amor pelo leão só faz crescer

Detemos o maior número de vitórias
E títulos do parazão
É desse confronto direto que eu falo
Com muita emoção

Remo, remo
Aplicou o maior tabu e foi no paysandu
Remo, remo
Manda esse vexame lá pra curuzú
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados