No Olhar

Asteriskus

Procuro um jeito
Um jeito de falar, te gritar
No olhar

Qualquer maneira
Que não dê para ninguém notar
A não ser quem eu quero
O que eu quero de você

Perdi as contas
De como sempre se diz que nada
É para sempre... É eterno

Eterno eu perder a razão quando sinto
Teu corpo tão perto e tão fora
Tão longe de alcance

Nunca fui seu amigo
Nunca quis ser teu irmão
O que eu quero de você
Procuro um jeito de dizer
Sem ninguém... Perceber...

Perdi as contas
De como sempre se diz que nada
É para sempre... É eterno

Eterno eu perder a razão quando sinto
Teu corpo tão perto e tão fora
Tão longe de alcance

Nunca fui seu amigo
Nunca quis ser teu irmão
O que eu quero de você
Procuro um jeito de dizer
Sem ninguém... Perceber...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados