Ouvir Música

Arte Verdadeira

Azulão

Seu dominguinhos, muito obrigado
Por estar tocando esse xote ao meu lado
É que este xote da mais prazer
Quando eu canto acompanhado por você

Pois o senhor quando toca na sanfona
A alegria vem a tona e eu não paro de cantar
É que azulão tando bem acompanhado
De um 120 baixos canta igual a um sabiá

O azulão deixe de dizer tolice
Tantas vezes já te disse que senhor ta lá no céu
Mais pra você que é um cabra afinado
De gogó passarinhado eu toco e tiro o meu chapéu

Seu dominguinhos admiro o seu talento
No manejo do instrumento e no jeito de cantar
Forrofiando esse xote de raiz, herança viva de Luiz
Que fez do fole o seu reinado

O Azulão nossa arte é verdadeira
Nem cupim rói a madeira, nem machado vai rachar
Tua voz é trovejada no sertão
Minha sanfona ta na mão cante lá que eu toco cá
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados