Três Lagoas, Minha Terra Natal

Belmonte e Amaraí

Floresceu nova alegria
Em minha alma de poeta
A cidade predileta
Homenagear agora eu posso
Nesses versos que formulo
Vou deixar esclarecido
Lembro o nome tão querido
Três lagoas, Mato Grosso

Vou voltar pra minha terra
Pra rever velhos amigos
É verdade o que digo
Vou fazer grande alvoroço
Qualquer coisa que me diz
Que serei bem recebido
Neste meu rincão florido

Três lagoas, Mato Grosso

Corre prantos de alegria
Pois estou contente agora
A velhice que apavora
Não chegou, estou mais moço
Como sinto satisfeito
Com prazer minh'alma encerra
Ao rever minha terra
Três lagoas, Mato Grosso

O teu solo é um tesouro
Foi por Deus abençoado
O meu corpo está cansado
Descansar hei de um mais gozo
Respirando o ar tão puro
Contemplando a natureza
Admirando as belezas
Três lagoas, Mato Grosso

Visitei muitas cidades
Vi riquezas e fartura
Não gozei porém ventura
Neste mundo que é colosso
Vim de novo desfrutar
O calor do teu abrigo
Neste berço tão querido

Três lagoas, Mato Grosso
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados