Licença Para Matar

Bob Dylan

O homem pensa que só porque manda no mundo, ele pode fazer tudo o que lhe dá prazer
E se as coisas não mudam logo, ele mudará
Ah, o homem inventou seu próprio apocalipse
O primeiro passo foi pisar na lua

Agora, há uma mulher no meu quarteirão
Ela senta lá enquanto a noite cresce calmamente
Ela diz: quem vai tirar dele a licença pra matar?

Agora, eles o pegam e o ensinam e o preparam para a vida
E o mandam por uma caminho em que ele adoecerá
Aí o enterram com estrelas
Vendem seu corpo como vendem carros usados

Agora, há uma mulher no meu quarteirão
Ela senta lá enquanto a noite cresce calmamente
Ela diz: quem vai tirar dele a licença pra matar?

Agora, ele está determinado a destruir, ele está com medo e confuso
E seu cérebro foi manipulado com perícia
Ele só acredita em seus olhos
E seus olhos só dizem mentiras

Agora, há uma mulher no meu quarteirão
Ela senta lá enquanto a noite cresce calmamente
Ela diz: quem vai tirar dele a licença pra matar?

Você pode ser barulhento, espirituoso
Cafajeste, bom de cama
Não deixar pedra sobre pedra
Pode ser um ator cumprindo seu papel
que pode ser tudo o que você possui
Até com seus erros você pode aprender

Agora ele cultua em um altar de uma piscina inerte
E quando vê seu reflexo, ele está realizado
Ah, o homem é o oposto do jogo limpo
Ele quer tudo e tudo do seu jeito

Agora, há uma mulher no meu quarteirão
Ela senta lá enquanto a noite cresce calmamente
Ela diz: Quem vai tirar dele a licença pra matar?
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados