Ouvir Música

Sai Cachorro

Charanga e Chará

Arriei meu burro preto, redomão cheio de farda
Fui passear no Mato Grosso, tropelei a onça parda
Cão piloto ia latindo do lado da retaguarda
Caprichei na pontaria, dei um tiro de espingarda
Só de gosto eu dei um grito: Sai cahorro!
Tá com esprito da Gerarda

Namorei uma criola por nome de Salomé
A mãe dela era uma onça, seu pai era um cascavé
Perguntei se eles queria, respondero nóis não qué
Nisto mano um vira-lata veio me morde no pé
Só de susto eu dei um grito: Sai cahorro!
Tá com esprito de muié

Eu fiz uma briga louca por causa da Esmeralda
Dei um tombo num valente, honrei o nome de guarda
Troquei bala com o inimigo, distancia de poucas jarda
Nisto mano um policial quase me rasgou a farda
Só de susto eu dei um grito: Sai cahorro!
Tá com esprito da Gerarda

Certos cara cabeludo, sem chapéu e sem boné
Ninguém sabe com certeza se é homi ou se não é
Como pode chamar Juca, também pode ser Isabé
Um veio pro meu lado, disse moço eu chamo Zé
Só de susto eu dei um grito: Sai cahorro!
Tá com esprito de muié, Tá com esprito de muié

colaboraçao: FLÁVIO A. GARCIA
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados