11 de Maio

Condessa Safira

Sou um breve delirio com gosto de sangue
Eu não quero te atrapalhar
Um sabor amargo que deixa marcas
Eu não vou te atrapalhar
A derrota tentando fugir do medo
Sem história pra contar
Uma linha fina esperando uma nota
No banheiro de um bar

Mas já que não consigo nada que quero
Será que preciso continuar?
Se sou uma alma derretendo por dentro
Prefiro então me calar

E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!
E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!
E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!

Sou a pessoa mais forte e insegura da terra
Eu olho pro vento e não consigo piscar
Tenho muita segurança da minha fraqueza
Sempre esperando ninguém chegar
Uma personagem desgastada que perdeu seu valor
E não tenta nem procurar
Uma simples mortal que acredita no amor
Querendo braços para morar

Mas já que não consigo nada que quero
Será que preciso continuar?
Se sou uma alma derretendo por dentro
Prefiro então me calar

E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!
E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!
E esperar o tempo cansar de ganhar de mim!

E esperar o tempo cansar...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados