Pout-pourri (explosão de Desejos / Contradições / Esqueci)

Daniel César

EXPLOSÃO DE DESEJOS

Talvez fosse a bebida culpada de tudo
Nos dando coragem pra fazer amor
Num ato insensato de quem nunca pensa
Nas conseqüências, que virão depois

Você tão criança e eu muito jovem
Nem preocupamos com nosso futuro
Fazendo apenas a nossa vontade
Talvez esquecendo da realidade
Em momentos de amor, em um quarto escuro

Não me pergunte, do nosso amanhã, eu não sei responder
Também não queria te fazer sofrer
Por coisas que não deviam acontecer

Quem é que controla, a força de um abraço, a ânsia de um beijo
Eu te queria e você me pedia
E agente explodia no mesmo desejo


CONTRADIÇÕES

Eu levo na briga você vem na raça
Agente termina sempre sem graça
Eu digo que quero, você não aceita
Diz que me deseja e depois me enjeita

Se é do seu modo eu não acho direito
Você se defende e só quer do seu jeito
Agente se abraça, se morde e se beija
Depois se afasta e chorando se queixa
E descobre o quanto ainda se ama

São contradições de um amor sem juízo
Eu nego e renego mas sei que preciso

Contradições de um amor de verdade
Que faz da mentira a sinceridade
E faz o que é feio parecer bonito


ESQUECI

Não vou impedir você partir
Nem vou pedir que fique aqui
Vou me portar com toda classe

Não vou te pedir que volte atrás
Que pare um pouco pense mais
Nem te impedir que chame um taxi

Eu até já me esqueci da cor dos teus olhos castanhos
Que tem um metro e sessenta e que se demora no banho
Esqueci que seu sapato é do tamanho trinta e seis
E que adora fazer sexo trinta vezes por mês

Esqueci que me acorda com o café da manhã
Nos seus braços me apertando se dizendo minha fã
Esqueci de te dizer que esse pranto nos meus olhos
É que o meu time perdeu e por isso então eu choro
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados