Ouvir Música

Alguém

Diogo Victor

Hoje eu não acordei muito bem
Não é doença ou dor física
A cura é vazia
É pena a minha alma não passar bem
Que como um profundo calor eu não posso descrever
Com lealdade o que eu passo

Por alguém como um poeta em crise, uma adolescente
Ou até mesmo uma criança inocente
Vêm com sua lágrima caindo
A dor sentindo pós som das ondas
Morrendo na praia e assim...

Num novo e esperado dia
As sombras me cobrem
Com pensamentos e mentiras
Reais dificuldades vivenciadas
E a tal preocupação em que tô acreditando
Tá tudo doido não tô falando

Com alguém como um poeta em crise, uma adolescente
Ou até mesmo uma criança inocente
Vêm com sua lágrima caindo
A dor sentindo pós som das ondas
Morrendo na praia e assim...

Eu quero estar despeocupado com as coisas ao redor
Não tenho forças pra lutar
Contra esse mal que está lá
Fixa-me uma visão terrível
Fatal em minha vida
Nos meus lindos sonhos e desejos frustrados
Algo está guardado
E não é o teu coração

O teu coração
Não é pra mim o seu coração
Você se foi e eu estou aqui
Ó pai eu quero te ver, te abraçar mais uma vez

Um alguém como um poeta em crise, uma adolescente
Ou até mesmo uma criança inocente
Vêm com sua lágrima caindo
A dor sentindo pós som das ondas
Morrendo na praia e assim...
Morrendo na praia e assim...
Morrendo na praia e assim...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados