Canção de Ninar

DZK

Eu vejo sangue em suas mãos;
O sangue de tantos;
De um próprio irmão.

E o mundo todo começa a chorar;
O que fazer, o que esperar?
De novo muitos não vão acordar.

Déspotas de um passado sombrio;
Trazendo a fome, trazendo o frio.
E o seu calor é uma grande explosão;
Lançando bombas sobre a multidão.

Espero o dia em que eu possa cantar;
Quem sabe até uma canção de ninar.

Como posso ter paz no coração;
Vivendo num mundo sem a razão.
Me vejo perdido sem solução;
Por isso eu canto essa canção.

E o mundo todo começa a chorar;
O que fazer, o que esperar?
De novo muitos não vão acordar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados