Ouvir Música

Natureza Noturna

Fagner

Tenho o mesmo segredo
Dos malditos solitários
Só a noite é minha amiga
A quem friamente confesso

A natureza noturna
Dos meus infernos diários
Nem a mulher que me ama
Sequer a moça de gênio

Nem a de riso argentino
Nem a de beijo flamenco
Nem a fã no seu afã
Nem as bonecas do tempo

Nem o poeta ordinário
Nem literato de prêmio
Eu tenho o mesmo segredo
Dos malditos solitários

Ninguém sabe a natureza
Dos meus infernos diários

Eu tenho o mesmo segredo
Dos malditos solitários
Só a noite é minha amiga
A quem friamente confesso

A natureza noturna
Dos meus infernos diários
Nem a mulher que me ama
Sequer a moça de gênio

Nem a de riso argentino
Nem a de beijo flamenco
Nem a fã no seu afã
Nem as bonecas do tempo

Nem o poeta ordinário
Nem literato de prêmio
Eu tenho o mesmo segredo
Dos malditos solitários

Ninguém sabe a natureza
Dos meus infernos diários
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não