Samba-Enredo 1987 - Amado Jorge Amante

G.R.E.S. Independente do Cordovil

A hora é essa
De retratar a vida do escritor
Da lira do poeta
Traz a musa do amor
É vida, é luta, é raça
Gênio criador da criação
Amado Jorge amante
Do infinito desce a imaginação
Que beleza tão singela
Gabriela
Da cor de canela

Este personagem importante
E sua fantasia verdadeira
Traz o encanto e a miscigenação
Eis aí nossa mulher brasileira
Dona Flor sem querer
Tem felicidade espiritual
No amor malandro do Vadinho
De Madureira proteção material
Teresa guerreira sem medo
Não vende a dignidade de mulher
Tieta, nossa garra, nossa gente
Tamos aí pro que der e vier

Minha gata linda
Gatai Gatai
É a flor do meu caminho
É um sonho que não vai
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados