Ouvir Música

Vampiro

Irvin

Eu estou morto a anos
E aqui dentro é tão frio e sem vida, sem vida

Eu ja disse muitas vezes pra você não rezar por mim
Pois eu sou o próprio demônio
Eu matei meus inimigos e alguns falsos amigos
Mais isso não me libertou
Eu tenho desejos carnais , vivo fora do normal
O gosto do sangue me trás uma sede sem fim
Eu ja vivi do passado mais isto não tem fim, não tem fim

É tão frio que eu não sei como parar a dor
É tão frio que eu não sei como parar a dor
E não há ninguém que possa me livrar da dor
Ninguém vai me salvar ninguém vai me salvar

Mais a minha vontade por sangue é sempre maior que a própria dor
Houve um tempo em que eu tive alguém em meus braços que me fizesse esquecer toda essa dor
Mais hoje existe um fantasma em mim
Plantado por séculos e agora eu procuro o meu fim (o meu fim)

É tão frio que eu não sei como parar a dor
É tão frio que eu não sei como parar a dor
E não há ninguém que possa me livrar da dor
Ninguém vai me salvar ninguém vai me salvar.

É tão frio que eu não sei como parar a dor
É tão frio que eu não sei como parar a dor
E não há ninguém que possa me livrar da dor
Ninguém vai me salvar ninguém vai me salvar.

Só estarão cinzas quando eu partir
Vivi de anos em vão

E não a ninguém que possa me livrar da dor
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não