Florbela Espanca

Ismália

Florbela Espanca a noite,
Queimando em seus lençóis.
Sorri enquanto dorme,
Violetas.

Werther verteu-se em flores,
Mas não consegue chorar.
Por onde andam as cores,
Que o sol quis... vomitar??
Murrah me trouxe horrores,

Fez Rimbaud se curvar.
Ruinas cegas das torres,
Por onde Ismália andará??
Metralhando o céu... entre a lua e mar.
Metralhando o céu... resvalando o ar.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados