Na Linda Caça Do Amor

Marquinhos e Júlio Sérgio

Quanto se sabe da mão que sofre
Neste Brasil país da alegria
Crescendo e brincando num mesmo chão
Quem é deste Rio quer muito viver...

Quanto que vale o vale-da-sorte
É mais ou menos o tempo de andar
Pelos campos do norte e nunca voltar
Sujar suas mãos na linda caça do amor

Quanto se espera por toda América
Filhos civís de arma nas mãos
Partindo e fluindo em busca de um mito
E morrem na Terra sem nada saber ...

Quando nos olhos do mundo apagar
De África ao Sul a cor não falar
Os laços são livres fronteiras não há
Não há Sete Vozes nem donos do mar ...
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados