Ei, Mulher

Mattenie

uem é 'Pereira da Silva' não tem que querer ser 'Albuquerque'
Vivo entre baque, os back, os click, os clak choca os pé de breque
Que inveja as track de quem toca o barco a frente
Eu tô com a frota de Fuketa contra os loque que tá contra a gente
O sol nasceu pra mim, agora vem bico e faz sombra
Mexo com as mente, eles mexem a lomba lomba
As porta fechada se arromba, tô pronto pra esses verme
Assim como quem sai de casa tá sujeito a merda de pomba
Sou mais um louco que sonhou com a melhora financeira
E agora é hora de guardar os balde das goteira
As 'window shopper' cega a visão dos irmão
Mas também não digo que é errado eles quererem umas roupa maneira
A fome mata, e eu posso te dizer
Que mata tanto quem tem, quanto quem não tem o que comer
Por isso eu oro em nome de todos os vivo
A profissão perigo é tanto à quem carrega uma quadrada ou um livro

Recebo a visão pra enxergar quem é real
O olfato pra farejar quem tá pelo meu mal
O tato pra tocar na mão dos muleque
A audição e a fala pra poder escutar e cantar rap
E o meu paladar me diz o que é bom e o que é ruim
Minha coragem me faz lutar por quem tá por mim
Esse bagulho tá longe do fim, meu mano
Nasci careca e sem dente, se for contar tô lucrano

(Refrão 2x)
Vai correr.. quando ver que os muleque daqui
Não tem medo da vida e nem de morrer
Oh Senhor, pelo amor!

Nos entregaram a cartilha de perdedor
Que diz que pra vencer, só sendo traficante ou jogador
Me mostraram o que eu queria pra dizer que eu nun

Ei, ei mulher
Ei, ei mulher
Ei, ei mulher
Me diz o que você quer
Ei, ei mulher
Ei, ei mulher
Ei, ei mulher
Eu faço o que você quiser
Eu faço o que você quiser
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados