Ouvir Música

Jacaré Remix

Mercado Negro

Jacaré que dorme vira sapato, sapato de jacaré
Jacaré que dorme vira mala, mala de jacaré
Não quero virar sapato, sapato de jacaré
Não quero virar mala, mala de jacaré

É que uns têm tudo, outros não têm nada
Assim gira esse mundo na injustiça implantada
Crianças e kotas, mendigos com fome
A multidão vai indeferente, só vê dinheiro a frente

Trazem a hipocrisia estampada no rosto
É assim todo o dia, como se fosse um posto
Linguagem de competência informação domesticada
Disfarçando a realidade, alimentando a ignorãncia

Não vou ficar sentado, sentido, recolhido
Enquanto escândalos financeiros
Espreitam as janelas de ministérios
Enganam um dois três, mas não todos de uma vez

Refrão
Jacaré que dorme vira, vira mala
Jacaré que dorme vira mala de jacaré
Jacaré que dorme vira, vira mala
Jacaré que dorme vira mala de jacaré

Andam todos a busca do poder, ei
E quem o tem, tem medo de o perder
Almas poluídas, mentes corronpidas
Perdidas no ouro e prata da babilónia

Riram se de cristo e crucificaram-no
São como lobos comendo seus próprios corpos
Geração planetária, guerreiros visionários
A terra por direito, somos os seus herdeiros

Caminho confiante prá frente triunfante
Com a vontade na verdade todos podemos vencer
Caminho confiante prá frente triunfante
Tá-se, tá-se, tá-se bem
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados