Cuidado Iracema

Mestre Zinho

Peguei uns "trem"
Botei dentro de um trem
E fui procurar mais sossego
Por aí com Iracema
Iracema

Bem não cheguei em Santana de Ipanema
Já ouvi no pé da serra
Um "tei-tei"

Lá da estrada muita gente eu avistei
Era forró de pé-de-serra e gritei

Corre Iracema
Olha a barreira, Iracema
Ribanceira Iracema, corre!

Cuidado Iracema
Macambira rasga a saia
Aí tem bicho, tem lacraia
Tem lagarta e cobra que morde, mata aê

Não tenha medo da lagarta Iracema
e a cobra que morde, mata aê

Mata, mata, mata Iracema
E a saudade é muito ingrata
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados