Anjo

Miltinho Edilberto

Eu só te vi uma vez
Porem o meu coração
Sentiu que te conhecia
De outra re-encarnação

Bastou sentir teu perfume
Foi só dançar um baião
Pra perceber que eu estava
Entrando num furacão

Lutando contra o destino
Quis mudar a direção
Mas já estava escrito
Quando toquei tua mão

Durante noites a frio
Fiquei com uma solidão
Seu rosto sempre surgia
Até na televisão

E assim dançaram os dias
Só nos sonhos eu te via
Estrela na escuridão

Você tocou minha alma
Meu coração so se acalma
Quando canto esta canção
Quando canto esta canção

Anjo, meu anjo
Voce pode ainda nem sonhar
Mas e meu anjo
Deixa eu eu te ensine a levitar

Voce pode ainda nem sonhar
Mas e meu anjo
Deixa eu eu te ensine a levitar

Eu só te vi uma vez
Porem o meu coração
Sentiu que te conhecia
De outra re-encarnação

Bastou sentir teu perfume
Fi só dançar um baião
Pra perceber que eu estava
Entrando num furacão

Anjo, meu anjo
Voce pode ainda nem sonhar
Mas e meu anjo
Deixa eu eu te ensine a levitar

Voce pode ainda nem sonhar
Mas e meu anjo
Deixa eu eu te ensine a levitar
Anjo
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados