Ouvir Música

Uma Reza (part. Tiago Mac)

Mr Break

Uma flor, um jardim, uma cor, um carin
Uma dor, um fim, um coração, uma reza
Uma flor, um jardim, uma cor, um carin
Uma dor, um fim, um coração, uma reza
Eu saí na madrugada pra ver, desliguei a TV
Só queria me acostumar
Hoje to com o pensamento em você e não sei qual vai ser

Se por um acaso te encontrar
Vou dizer que tô feliz, sei lá
Desde que você se foi, melhor não há
Tô tão distante do teu mundo
Que nem to fazendo planos pra voltar
A vida tem sentido pra quem busca uma razão
Pensei ter equilíbrio e tô jogado no chão
E o vento da janela me traz a reflexão

De que eu vivo numa cela sem tá dentro da prisão
Pessoas são daqui, mas eu nem sei pra onde vão
Preciso de um ar puro pra sair dessa ilusão
Meu ar condicionado hoje tá sem condição
Tentei esfriar o corpo e esfriei o coração

Vou dizer que tô feliz, sei lá
Desde que você se foi, melhor não há
Tô tão distante do teu mundo que nem
Tô fazendo planos pra voltar
Vou dizer que to feliz, sei lá
Desde que você se foi, melhor não há
Vou tá mentindo, mas eu sei que
Essa mentira é o que vai me confortar

Uma flor, um jardim, uma cor, um carin
Uma dor, um fim, um coração, uma reza
Uma flor, um jardim, uma cor, um carin
Uma dor, um fim, um coração, uma reza

Pensei que fossemos um só, tipo naquele som
Seu corpo desviou, fugiu com esse dom
De me deixar de luto mesmo naquela visão
Me fez olhar no escuro e ainda foi contra o coração
Talvez se eu não te amasse fosse um tolo sem razão
Mas se o diabo vence ganha condecoração
Ninguém sabe do que aconteceu naquele quarto
Seu grito machucado, lágrimas e mais boatos

Tentei pedir perdão, mas não valeu mais nada
Paixão desfigurada, silêncio na alvorada
Quando sorriu pra mim foi na intensão de dar facada
Quando gritou comigo foi pros outros ser piada
Tentei sair por mim, não deu, convenci
Tratei só da minha dor, tentei, repeti
Se sua mãe faltasse era pra mim que tu corria
Vadia toda fria, chapada em demasia
Planejei teu enterro com meu último dinheiro

Tratei de andar com tudo, precisava ser ligeiro
E desde de aquele dia me senti mais verdadeiro
Fiquei desconfiado até que passasse o lixeiro
Seu último cigarro fez transbordar meu cinzeiro
Guardei minha consciência na gaveta do banheiro
E parti sem dó, sem mágoa, sozinho
Pedi pra todo santo abrir mão desse caminho
E agora já era, sua voz já não se escuta

Dentro dessa terra, um erro de uma puta
Cobrou da minha guerra, perdeu mais uma luta
Me fala Donzela, onde tá tua conduta?
Foda-se tudo agora, pra tu eu fui um fraco, um réu
Que quis cumprir sua meta como quem cumpre um papel
Castigo dessa noite vai ser enterrar seu mel
Guardei a sua cruz pra carregar como troféu

Uma flor, um jardim, uma cor, um carinho
Uma dor, um fim, um coração, uma reza
Uma flor, um jardim, uma cor, um carin
Uma dor, um fim, um coração, uma reza

Meu cachorro latiu, a casa caiu
Minha alma sentiu, você se foi
A porta se abriu na tarde de Abril
Seu corpo sumiu sem dar um oi
Há muito sentimento jogado entre o céu e o inferno
Há muito sentimento jogado entre o céu e o inferno
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados