Desigualdade

Pablo Bem Loko

É embaçado eu vejo desigualdade
Uns de canoa nas enchentes outros no mar de yacht
Idoso de baixo da ponte com a pinga pra se esquentar

Felicidade sonho difícil de realizar
Alguns faz por amor outros pela grana
Alguns que agradece e já outro só reclama
Famílias dependendo do programa social
Viver em situação precária já é normal

É vida dura mundo louco se afundando
Pânico medo de menor traficando
Na favela mais um perde a vida
Enquanto madame reclama da água fria na piscina
É criança com sarna puldo na hidromassagem

Desigualdades pra você ver que viagem
Mundos diferentes cheios de injustiça
Onde muitos estão vivos sem expectativa
A esperança muitas vezes morre primeiro
Mundo capitalista vivendo pelo dinheiro
Onde quem não tem não é ninguém
E quem tem não faz esforço pra fazer o bem
La vai o aviãozinho quem quer dinheiro ai

Pivete no trafico sem rumo para seguir
Moleque no farol pra ele sinal vermelho
Político com a conta verde no estrangeiro
Menor de idade no farol amarelo de fome
O crime e as drogas é o que consome

Desigualdades diferentes classes sociais
O mundo oferecendo só coisas banais
Enquanto a periferia sonha com faculdade
Pro Play Boy que ta na USP já é realidade
Desigualdade com os deficientes

E um mata-mata de pessoas inocentes
Preconceito com os pretos preconceito com os pobres
"E geralmente é nessa hora que a gente sofre"
Não podemos deixar as desigualdade nos impedir
Muita fé e sempre ter força para seguir
Não quero preconceito ai quero paz
Por que pra Deus nós somos todos iguais
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados