Monstro do Bacio

Quase Dois

Na correria eu fiz cocô
Acabou o papel higiênico
Eu queria limpar a bunda
E aquela bosta que não afunda
A catinga era tanta
Que berravam na porta "anda"
Fiquei nervoso saí dali
Olhei pra merda e comecei a rir

Dei a descarga
Estava estourada, e era merda pra todo o lado
O cagalhão, veio transbordando
E eu com a mão devolvia empurrando

Empurrando...

De repente, explodiu
Aquele monstro de dentro do bacio
Ele veio e me atacou
Me comeu e depois me cagou
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados