Mineira de Diamantina

Raul Torres e Florencio

Plantei no jardim de casa um pé de rosa e cravina
Quando a cravina der flores eu vou levar pra Cristina
É uma mineira bonita que mora lá em Diamantina
Pra mim é a mais linda moça que deu o estado de Mina

Você casando comigo tem que deixar Diamantina
Vamos morar na fazenda que eu tenho lá em Colatina
Fazenda de mil alqueire toda de verdes campina
Lá eu serei vosso rei você a rainha Cristina

De manhã cedo ocê toma leite de vaca turina
Pros seus passeios no campo tem cavalo campolina
Tem um arreio especial mandei fazer na Argentina
No peitoral coloquei quarenta libras esterlina

Paredes da minha casa pintura é de purpurina
Na sala tapete persa na janela tem cortina
Talheres todos de prata a louça veio da China
Tenho a melhor cozinheira é a preta velha Sabina

Vendo por ano mil boi pro matador em Platina
Eu acompanho a boiada para ter mais disciplina
E na cabeça do arreio levo minha carabina
Recebo todo o dinheiro ponho no banco de Mina

Vou dar um prazo pequeno num mês você determina
Você dizendo que não, tristeza não me amofina
Quem sabe eu venha a encontrar outra moça muito fina
Talvez não seja igualzinha a mineira de Diamantina
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados