Casa de mato

Reino Fungi

Uma casa de mato
Um lugar bem longe daqui
Vejo a vaca e um pasto
Um lugar pra amar e sorrir

Se fosse casa de campo
A chuva lavava os cantos

Se fosse minha barraca
Festa do fungi da vaca

Penso e queimo um incenso
Jogue fora o bom senso
Na insensatez de viver
Sou feliz quando venço
Se a vida é amiga da arte
Até do lixo faz parte

Mas isso é só uma canção
Cantada com o coração
E é jogando as palavras
Que nasce um novo refrão
Cogumelo, martelo, castelo de areia,
Sereia, baleia azul ou blues and shoes...
Mata virgem dada, faca cega, pedra enxerga ilusão pra terminar minha canção (x2)
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados