Vida de Cão Sem Dono

Roberto Muller

Eu caí na gargalhada
Quando alguém me contou
Que te viu desesperada
No dia em que ele te humilhou

O que fizeste comigo, não pudesse imaginar
Logo viria o teu castigo e eu pudesse me vingar, que logo viria o teu castigo
E eu pudesse me vingar

Desgraçada e muito só, tua sorte foi selada
Selada e pra pior, ninguém te dará mais nada
Andarás de mão em mão, perderás noite de sono, levarás vida de cão
Mas de cão que não têm dono
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados