A Revolta Que Trago

Tapion

Perco horas a pensar na revolta que sinto
E na tristeza que luto pela qual eu não minto
Quadros rasgados no meu quarto formam-se retratos
Canetas partidas e os sentimentos são apagados
Mente bloqueada e coração que nada sente
De um passado louco a um futuro um pouco diferente
Marco histórias nas pegadas numa praia abandonada
Quando pensamos que temos tudo e afinal não temos nada

É um arrepio á flor da pele quando pétolas voam
E um espelho partido pelas palavras que não me soam
Considerado um combatente pelas lutas que enfrento
Apesar de toda a merda so tenho de olhar em frente
Solta o sorriso que o prendeste outrora
E não o deixes fugir para que ele não se va embora
Á noite fecho os olhos e oiço uma voz que me diz
Descobri que a tristeza faz-me feliz
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados