Ouvir Música

Cilda/ Beijo Geladinho/ Cohab City (pot-pourri)

Tôca Na Janela

Não era amor, ôh, ôh
Não era
Não era amor, era
Cilada
Quase morri do coração
Quando ela me convidou
Pra conhecer o seu apê
Me amarrei, demorou
Ela me usou o tempo inteiro
Com seu jeitinho sedutor
Eu fiz serviço de pedreiro
De bombeiro, encanador
Inocente, apaixonado
Eu tava crente crente
Que ia viver uma história de amor
Que cilada, desilusão
Ela me machucou
Ela abusou do meu coração
Não era amor, ôh, ôh
Não era
Não era amor, era
Cilada
Não era amor, ôh, ôh
Não era
Não era amor, era
Cilada cilada cilada cilada
Cilada cilada cilada cilada

Tô te vendo
Tô sentindo
Tô chorando, tô sorrindo
Eu tô a fim de te encontrar

Um cinema
Um chopinho
Um abraço no escurinho
Me dá um beijo pra somar

Geladinho
Saboroso
Do seu jeito tão gostoso
Que me faz delirar

Eu quero é mais
Amar você
Pra nunca mais
Te esquecer

Eu quero é mais
Amar você
Pra nunca mais
Te esquecer

Tô chegando na cohab
Pra curtir minha galera

Dar um abraço nos amigos
E um beijinho em minha cinderela

Netinho, também tô chegando
(Querido, waguinho)
Não vou te deixar sozinho
Tô levando o nenê, ari, feijão
Claudinho e o fabinho
Pede pro lino me levar o sax

Que a festa vai rolar até tarde
E avisa o chambourcy
Que tem danone à vontade
Vai ficar legal, pagode na cohab, no maior astral

Bem em frente a lanchonete
Sambando e fazendo um grande carnaval
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados