Eu Rio

Uns e Outros

O Rio acorda em festa
E festa aqui é todo dia
E o intelectual na sua janela
Olha a linda geografia
O Pão de Açucar, O Corcovado
Tudo em Harmonia
E o surfista desce a onda
Em meio a esgoto e maresia
Eu sou Ipanema e a garota bronzeada
Também a Lapa e a prostituta desdentada

O Rio acorda cedo
Porque o tranco é todo dia
E a média mata a fome
No boteco da esquina
Tumulto na estação
O trem foi apedrejado
O corpo no trilho
Do surfista ferroviário

Eu sou o samba e o Morro do São Carlos
A bossa nova e o turista assaltado

Em fevereiro tem carnaval
Vamos sambar prá gringo
Viver então de fantasia
Enquanto Minha escola desfila
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados