O Hermeto e o Gullar

Validuaté

O Hermeto tem os olhos tortos
E o Gullar tem as orelhas grandes
Todo mundo tem algo empenado
Erudito sambista e gigante
A menina com a flor no cabelo
Desejava o céu por sol e lua
Porque eles jamais se juntaram
Mais bonito seriam os dois na rua

A menina sentiu que o mistério
É o sumiço que também arranha
A pessoa não ver, mas existe
Uma orelha da Maria Betânia
Talvez fosse um defeito de Deus
Não juntar sol e lua no céu
Não deixar eu brincar com as estrelas
Tão pintada de luz, carrossel

A lua entrou sem licença
Nas brechas do barracão
E o sol vermelho, vermelho?

Escutai a pergunta da menina
Onde mora a senhora tentação?
Onde ferve a caldeira da paixão?
Pra que lado é a luz que alucina?
Onde atende o juiz que determina?
Essa dança no céu que cobre o mundo
Porque guardo o desejo tão profundo
O desejo das flechas do sol
No som da lua.

Macumbeira da cara de peixe
Tinha fama de arranjo com oculto
Passeava com uns penduricalhos
Quando viu a menina no susto
Elas estavam na beira do rio
Macumbeira o que eu faço pra ver?
Sol e lua dançando no céu
E ser dia quando anoitecer

Hoje à noite o Hermeto e o Gullar
Vão passar montados no dragão
O Hermeto com seus olhos tortos
E o Gullar balançando o orelhão
Vai sair o sol do olho do Hermeto
E uma lua da orelha Gullar
E os cometas e mais com as estrelas
Serão musica pra se dançar

Escuta, a lua deseja um céu brilhante
Com as flechas do sol
E a luz da lua, só isso...?
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados