Humilde Favela

Vítimas do Preconceito

Mais um fim de semana chegou o
Sol brilha
O céu azul rua lotada que lindo
Dia
Veja só a felicidade no olhar
Do pai que admira o seu filho
Brincar
O bar cheio no carro um bom som
A idéia vai alem ha sem perder o
Tom
Todo mundo bem avonts bilhar pra
Descontrair
Cerveja forra a mesa assisto tudo
Daqui
O racha no campo de terra
Churrasco no quintal com a vista
Pra favela
Assim vejo ela sofredora mais
Valente
É forte a corrente quem vive nela
Sente
Ninguém tá só,
Em cada canto que eu ando
Prevalece o respeito
Essa é a humilde favela vitimas
Do preconceito

Mais o sol vai nascer pra clarear
Um novo dia
É muito bom viver e apreciar com
Alegria
A deus agradecer inspiração de
Harmonia
Hoje posso sonhar e acreditar que
A luz é o guia
O gueto tem talento vai poder
Mostrar
O crime vai parar respeito
Conquistar
O preconceito acabar é só ter fé

Você consegue o que quiser
Naquela cautela sem pressa se
Revela
Dos becos e vielas quem é não
Amarela
Só quem passou por lá pode falar
Humilde favela
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados