Ouvir Música

Eu Sou Luís Gama

Wanderson Lemos

São Salvador, me perdoe
Mas falhou a minha crença
Na circunstância que estou
Morrer já nem é sentença
E lá vou eu como sobra
Vendido pelo próprio pai
O mar sacolejando a barcaça
Enquanto o sangue se esvai

Mãe Luiza, sua presença
Sinto onde quer que eu vá
Já pedi a autoridade pra poder advogar
Abolição é o caminho
Mas tem pedra pra tirar
Conselheiro me espera no mercado popular

Eu sou luiz gama
Filho de dona Mahin
Minha resistência é herança
De Ganga Zumba e Zumbi
Eu sou Luiz Gama
Lutarei até o fim
Pelas causas da liberdade
Foi por isso que eu vim

- Em legítima defesa
Qualquer movimento
Qualquer revolução
Qualquer feita por essa comunidade
Por esses negros desassistidos
Ela é legítima
Condenamos, condenados pela mão do homem
Mas absolvidos pela natureza

Pra essa cor não ser defeito
Dá-se um jeito de lutar
Pra maldade ser infinda
Basta o bem se calar
Minha pele é madrugada
Chão pra Lua se deitar
Pra estrela fazer morada
Quando o Sol vai descansar

Se a lei da sociedade
Não respeita a natureza
Ataque contra opressor
É legítima defesa
Eu não quero recompensa
Quero a esperança acesa
Quem sangrar por essa terra
Tem direito a riqueza

Eu sou Luiz Gama
Filho de dona Mahin
Minha resistência é herança
De Ganga Zumba e Zumbi
Eu sou Luiz Gama
Lutarei até o fim
Pelas causas da liberdade
Foi por isso que eu vim

- Mas essa voz ninguém calará
Ninguém

Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados