Ouvir Música

N.V.D.L.C.

Wlaad

N.V.D.L.C. (Não Vou Deixar de Lutar por Chances)


REFRÃO
Não vou me esquivar do mundo não
Não vou me abaixar não
Vou lutar até onde der
Nem que pra isso eu tenha que morrer pra ficar de pé

Eu sei que é difícil, pra você tentar lutar
tentar se levantar, mas vamos dar aos mãos
Porque a batalha está prestes, presta a começar



Eu que é difícil pra você se levantar
Até mesmo pra tentar caminha
Basta olhar ao seu redor e você verá
A desgraça que te cerca, a pobreza que te pega
Em todo lugar é a mesma coisa
As crianças dormem na rua e a pobreza nua e crua
Ainda dizem que o Brasil é o pais do futuro
Aonde existe miséria pra mim não passa de 3º mundo
Aonde o preconceito ainda rola, onde tem crianças pedindo esmola
Então me diga se você não tem vontade de ir embora
Pois quando pensa no futuro das suas crianças você chora
Chora por não ter pra onde correr
Por não saber o que suas crianças vão comer
E o futuro pra você qual é
Se pra sociedade negro é sempre um mané



REFRÃO
Não vou me esquivar do mundo não
Não vou me abaixar não
Vou lutar até onde der
Nem que pra isso eu tenha que morrer pra ficar de pé

Eu sei que é difícil, pra você tentar lutar
tentar se levantar, mas vamos dar aos mãos
Porque a batalha está prestes, presta a começar



Eu que é difícil pra você ouvir esse verso
Mais difícil ainda é ser negro nesse universo
Nesse mundo cheio de preconceitos
Em que muitos tem carros importados
Os negros correm atrás dos seus direitos
Direitos que nunca tivemos e ainda é difícil ter
Pois o que mostra na TV é o que não se deve fazer
Ensinam as crianças a matar e a bater
Rap eu nunca fui, e nem quero ser
Só questiono aquilo que passa na TV
Pois eu sempre luto por um ideal
Que é a igualdade social, igualdade racial
Canto aquilo que eu já passei e presenciei
Canto a minha historia, canto contra tudo que lutei
Que luto e com toda certeza ainda vou lutar
Pois só vou parar, quando o mundo se endireitar
Então minha jornada ainda está longe de acabar



REFRÃO
Não vou me esquivar do mundo não
Não vou me abaixar não
Vou lutar até onde der
Nem que pra isso eu tenha que morrer pra ficar de pé

Eu sei que é difícil, pra você tentar lutar
tentar se levantar, mas vamos dar aos mãos
Porque a batalha está prestes, presta a começar



A batalha já começou a muito tempo
Desde antes do meu avó que tem esse sofrimento
Essa tortura essa desilusão, o que precisar irei fazer
Pra salvar meu povo meus irmãos
Pois se ficarmos parados não iremos progredir
Faremos como os ''Panteras Negras'' que lutaram
Para estarmos aqui, lutaram para termos nosso lugar
Termos nossos direitos e termos como questionar
E é o mesmo que eu irei fazer
Pois não aguento mais ver gente como eu morrer
Eu vejo em seu rosto uma lágrima rolar
Mas não devemos abaixar a cabeça, Não devemos nos deixar levar
E eu digo se você vai desistir: Não vou
E pergunto se vai nos abandonar: Não vou
É isso que devemos fazer, unir todas as forças e lutar
Pra poder crescer
Agora eu vejo em seu rosto esperança, pra lutar a favor
Dos nossos direitos e das nossas crianças




REFRÃO
Não vou me esquivar do mundo não
Não vou me abaixar não
Vou lutar até onde der
Nem que pra isso eu tenha que morrer pra ficar de pé

Eu sei que é difícil, pra você tentar lutar
tentar se levantar, mas vamos dar aos mãos
Porque a batalha está prestes, presta a começar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados