Calendário

Banda Kaphè Kun Koka

Mostra-me Tua escultura
Mate as saudades de minhas vistas
Com tua formosura
Olha que a doença de amor
Não se cura
Não se cura
Senão com a presença da figura

(Vocalização)

No meio do cobertor
Acho bilhetes de amor
Vivo já fora de mim
Vivendo dentro de ti
Que me quis pra si

No calendário está marcado
Minha data de aniversário
Nas noites que estás aqui
É proibido dormir
É proibido dormir

(Vocalização)

Mostra-me Tua escultura
Mate as saudades de minhas vistas
Com tua formosura
Olha que a doença de amor
Não se cura
Não se cura
Senão com a presença da figura

(Vocalização)

No meio do cobertor
Acho bilhetes de amor, de amor
Vivo já fora de mim
Vivendo dentro de ti
Que me quis pra si

No calendário está marcado
Minha data de aniversário
Nas noites que estás aqui
É proibido dormir
É proibido dormir

(Vocalização)

(REFRÃO)

[ Vivo já fora de mim
Vivendo dentro de ti
Que me quis pra si ](2x)

E morro de amor
E morro de amor
Porque não morro
Porque não morro
Porque... Não morro
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados