Moleque Doido

Banda Rupestre

Sou moleque doido
Como eu mesmo gosto de falar
Minha alma é rebelde
Com várias causas pelas quais se rebelar
O que que foi? Qual é que é? O que que há?
Não vou ficar aqui parado ao ver o amor se definhar
O que que foi? Qual é que é? O que que há?
Meu sangue não foi feito pra se derramar
Chega que chega que chega disso tudo
Chega que chega que chega disso tudo
A minha espada e meu escudo
São minha voz e minha aura
E depois de cada batalha
Se fortalece e se restaura
Eu sei! E vou levantar a cabeça
O que é meu eu vou buscar
Dividir com quem mereça
Com quem também estiver afim de lutar
Pelas aparências, carros e mansões
Meus olhos grandes se esquentam feito ventas de dragões
Perdem-se as noções
Morrem homens bons e suas famílias
Pelas armadilhas preparadas pelos vermes das nações
Mas eu acredito
Eu sou sonhador
Eu vou lutar pelas mensagens que meu bom anjo da guarda me enviou
E vou levantar a cabeça
O que é meu eu vou buscar
Dividir com quem mereça
Com quem também estiver afim de lutar
Levantar a cabeça
O que é meu eu vou buscar
Dividir com quem mereça
Com quem também estiver afim de lutar
Chega que chega que chega disso tudo
Chega que chega que chega disso tudo
Chega que chega que chega!
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados