Greve de Fome

Edson Duarte

Você veio chegando de mansinho no meu coração
Agora vai saindo de fininho fugindo devagarzinho
Me matando de paixão
Meu bem eu não vou revidar
Pra não lhe contrariar faça o que quiser
Só peço que nunca me abandone
Eu faço greve de fome pra ganhar seu cafuné

Eu tenho muito amor pra dar
Se você me der valor
Eu sempre to te esperando
E essa solidão matando
Esse triste sofredor
Com o peito cheio de amor
Pra quando você voltar
Não esqueça o meu endereço
E esse velho coração sempre foi o seu lugar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados