Sala Molhada

Edson Duarte

Sala molhada não junta poeira
A noite inteira sem ter que espirrar
Principalmente com um rabo de saia
Pode ser canalha pra desmantelar
Mais é por isso que eu estou aqui
Pra me divertir encarando o suor
Com bebida, sanfona e mulher
Ainda é o bom do forró

Funga quente no cangote dela
Ela gosta de rodopiar
Todo mundo lhe admirando
E o povo gritando é mulher pra endoidar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados