Revoada I

Gilson

Um dia, quando acordei
Pela janela, eu olhei
Eu vi o céu tão azul
E um Sol de fim de verão

Vi o outono chegar
E a chuva, sem dar sinal
Vi a fruteira sem frutos
Sempre a rachar o meu chão

Por todo canto que olhava
Eu via desolação
Me dava água nos olhos
E aperto no coração

Eu parti chorando
Tive medo de olhar pra trás
Meu peito repartido
Entre o sonho e a saudade
Sonho e saudade

Céu azul e o Sol
Queimando o chão
E um caminhão

Céu azul e o Sol
Queimando o chão
E um caminhão

Um outro dia, acordei
E olhando o céu, eu não vi
O Sol e o mundo era feio
Então senti solidão

Era tão triste a manhã
E eu me espantei ao saber
Que o Sol aqui, quando nasce
A gente não pode ver

Aqui morreram as flores
Nasceram mil construções
E as aves todas fugiram
Com medo dos aviões

Eu fiquei chorando
Longe estava do meu sertão
Meu peito repartido
Entre o medo e a saudade
Medo e saudade

Eu não fico aqui
Quero voltar
Pro meu lugar

Eu não fico aqui
Quero voltar
Pro meu lugar
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados