Outono

Realidade Artificial

Tenho marcas de um adeus
Que desenhanda está em meu coração
Um dia tentarei
De um modo encontrar
A mais linda flor

As folhas desse outono
Caem como lágrimas
E eu ouço em sua voz
O vento que as leva
E há tempos que o destino
Insiste em soprar contra nós

Nas tempestades em sua vida
Eu fui o amanhecer
Nas tempestades em minha vida
Foi o abrigo que me salvou

Não entendo o calor
Que sinto quando a vejo
Nada tem haver
Com o outono em que vivemos
Se ao menos eu pudesse
Trazer a luz do sol pro seu céu

Nas tempestades em sua vida
Eu fui o amanhecer
Nas tempestades em minha vida
Foi o abrigo que me salvou

E eu nunca entendi
Como foi que te perdi
E eu... Eu me recuso
A ter que aceitar a dor
Que me acompanha
Quando a chuva vem trazendo o medo
De não mais te ter
Eu acredito nas palavras
Que um dia, então
O tempo falará por nós..

Nas tempestades em sua vida
Eu fui o amanhecer
Nas tempestades em minha vida
Foi o abrigo que me salvou
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados