Ouvir Música

Garganta

Tempero do Mundo

Meu Deus nunca te pediu nada
Meu Deus sempre te orientou
Que você desse o dízimo, amizade, que até hoje, roubou
Meu Deus nunca te pediu nada,
Foi você que se comprometeu
Em dar o dízimo, tratante, que até hoje não deu

Te conheci na igreja, cantando e chorando, parecia gostar...
Meu Deus te ouviu, e te fez prosperar
Sua vida mudou, abandonou a família, deixou a igreja
Sua vida agora é boate, cerveja...
No meio dos amigos, tu zomba do dízimo e até da oração
Vê se te emenda, garganta! O didi vai te jogar no chão

Meu Deus nunca te pediu nada
Meu Deus sempre te orientou
Que você desse o dízimo, amizade! Que até hoje negou
Meu Deus nunca te pediu nada
Foi você que se comprometeu
Em dar o dízimo, tratante, que até hoje não deu!
Hoje te vejo na igreja dando espetáculo em cima do altar
Papai me perdoa, não vou mais vacilar...
Com os filhos doentes, desempregado e na mão do agiota
Você vive chorando, com cara de idiota,
De igreja em igreja fazendo corrente, pedindo oração
Vê se te emenda, garganta! Com Deus não se brinca, não!

Meu Deus nunca te pediu nada
Meu Deus sempre te orientou
Que você desse o dízimo, amizade, que até hoje roubou

Meu Deus nunca te pediu nada
Foi você que se comprometeu
Em dar o dízimo, garganta, que até hoje não deu
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados