Deixaste a Vida de Outrora

Teresa Tarouca

Cruzei na rua contigo
Repara que mal te vi
E francamente te digo
Que nem eu te conheci

Que é dessa cinta vistosa
Que enrolavas à cintura
E tornava tão airosa
A tua linda figura

E os teus safões de borrego
De castanho desbotado
Da manta que era
Aconchego
Quando guardavas o gado

Da maneira tão tão airosa
Com que montavas, pimpão
Essa faquinha nervosa
O teu cavalo alazão

Deixaste a vida de outrora
Renegaste a tua raça
E quando passas agora
És mais um homem que
Passa
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados