Ouvir Música

Piscina

Tião Carreiro e Pardinho

No quintal de casa eu fiz a piscina que ela pediu,
Ali quantas tardes as águas azuis o seu corpo beijou
Ela foi embora do último banho conversei com as águas,
Que aqueceu seu corpo, e aquela piscina, toda perfumou.
Os raios de sol faziam seu corpo refletir nas ondas,
Chamando seu nome, louco em desespero pulo dentro dela,
Vou nadando a esmo, soluçando em prantos abraçando as águas,
Na ilusão gostosa, que naquele abraço, eu abraço ela.

{Estribilho}
Piscina, que guarda segredo, todo dia cedo, ela se banhava,
Parecia um anjo, seu corpo de fada, da pele rosada, que o sol bronzeava.

Mesmo que eu tivesse secado a piscina, nada adiantaria,
Estaria cheia com todo meu pranto, que agora derramo,
Água da piscina, você lava tudo só não lava a mágoa,
Que está no meu peito, por viver distante, de quem tanto amo.
As folhas sem vida que o vento arrasta, beirando a piscina,
Vem provar o desleixo, e o triste abandono de quem vive ali,
Eu também sou folha, varrida com a longa vassoura do tempo,
Só seco a piscina, no sol da saudade, do amor que perdi.
Editar playlist
Apagar playlist
tem certeza que deseja deletar esta playlist? sim não

Momentos

O melhor de 3 artistas combinados